Coronavírus afeta as células do cérebro

A Unicamp acaba de confirmar, por meio de experimentos feitos com cultura de células, que o novo coronavírus (SARS-CoV-2) é capaz de infectar neurônios humanos. O grupo coordenado pelo professor do Instituto de Biologia Daniel Martins-de-Souza também confirmou que os neurônios expressam a proteína ACE-2 (enzima conversora de angiotensina 2, na sigla em inglês), molécula à qual o vírus se conecta para invadir as células humanas.

 

Quais são os efeitos no cérebro?

O coronavírus tem uma certa propensão a infectar as células nervosas, explica  Martins-de Souza, “mas ainda não sabemos se o vírus realmente consegue atravessar a barreira hematoencefálica [estrutura que protege o cérebro de substâncias tóxicas e patógenos presentes na circulação sanguínea] e, caso consiga, que tipo de impacto pode causar no tecido nervoso.

Autora: Karina Toledo | Agência FAPESP 

 

Como você pode impedir a propagação do COVID-19?

  1. Limpe suas mãos frequentemente. Use água e sabão, ou esfregue as mãos com álcool 70%.
  2. Mantenha uma distância segura de quem estiver tossindo ou espirrando, em média 2 metros.
  3. Não toque nos olhos, nariz ou boca.
  4. Cubra o nariz e a boca com o cotovelo dobrado ou um lenço de papel quando tossir ou espirrar.
  5. Fique em casa se não se sentir bem.
  6. Se você tiver febre, tosse e dificuldade em respirar, procure atendimento médico.
  7. Siga as instruções da autoridade sanitária local.

Publicado em: 29/04/2020

 

 

 

Referências Bibliográficas:

http://agencia.fapesp.br/novo-coronavirus-e-capaz-de-infectar-neuronios-humanos/33053/

https://www.who.int/emergencies/diseases/novel-coronavirus-2019/advice-for-public

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *